GRUPO SOCIALIZANDO

Início » Poesias » Poesia

Poesia

Anúncios
TAREFA DADA
Na meta a ser cumprida, certeira
Onda de entusiasmo inaudita
Perdura até do cume a beira
E logo vira carga maldita.
O desistente dirá que é besteira,
A ele o herói: ‘que não se repita’,
E o mediano nem que num queira,
Inocente, julga melhor ao que imita.
Bendito o que olha pra frente e têm
Alguém de respeito que o sustém
Na leva árdua do Cumprimento.
Sim, pois afinal há uma vital tarefa,
Dada por Outrem que num blefa
E que vai cobrar certo momento.
Diego Oliveira, Livro: Sonetos insertos, 2015
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: